Culto e Liturgia

Ciclo do Tempo Comum

O Tempo Comum inclui o período após 06 de janeiro, quando inicia o Primeiro Domingo após Epifania, e segue até a terça-feira de carnaval; é interrompido pelo Ciclo Pascal e reinicia depois de Pentecostes, com o chamado Domingo da Trindade; é concluído na véspera do Primeiro Domingo de Advento, com a festa de Cristo Rei ou Domingo da Eternidade (Último Domingo do ano eclesiástico).

O Tempo comum abrange dois períodos do ano. O primeiro é o que chamamos de tempo após Epifania e o segundo, é o tempo após Pentecostes. O tempo após Epifania inicia, especificamente, na segunda-feira que segue o domingo depois de 06 de janeiro e se estende até terça-feira antes de carnaval ou início da Quaresma. O Tempo comum é aí interrompido, sendo retomado, especificamente, na segunda-feira depois de Pentecostes, ou no Domingo da Trindade, também chamado Primeiro Domingo após Pentecostes. O Tempo comum termina no Último Domingo após Pentecostes, o qual é chamado de Cristo Rei ou, como é conhecido na IECLB, Domingo da Eternidade.

A Trindade é a festa em que a Igreja celebra o mistério de Deus, aquele que se manifesta ao mundo através do Deus criador, do Filho redentor e do Espírito Santo consolador. O Tempo comum lembra a atuação da Igreja no mundo, ou o seu peregrinar diário, movida pela ação do Espírito Santo. Dentro desse período, as diversas igrejas também comemoram suas festas específicas. Como por exemplo, nas igrejas luteranas, o Dia da Reforma, em 31 de outubro.

Ciclo do Tempo Comum (primeiro período)

Tempo após Epifania
Primeiro Domingo após Epifania (batismo de Jesus)
Segundo Domingo após Epifania
...
Oitavo Domingo após Epifania
Último Domingo após Epifania (Transfiguração do Senhor)

Ciclo do Tempo Comum (segundo período)

Primeiro Domingo após Pentecostes – Trindade
Segundo Domingo após Pentecostes
Terceiro Domingo após Pentecostes
Quarto Domingo após Pentecostes
...
Último Domingo após Pentecostes ou Domingo da Eternidade (Cristo Rei)


AÇÃO CONJUNTA
+
tema
vai_vem
pami
fe pecc

A Palavra de Deus é a única luz na escuridão desta vida. É Palavra da vida, de consolo e da toda bem-aventurança.
Martim Lutero
REDE DE RECURSOS
+
Que todo o meu ser louve o Senhor e que eu não esqueça nenhuma de suas bênçãos!
Salmo 103.2
© Copyright 2017 - Todos os Direitos Reservados - IECLB - Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil - Portal Luteranos - www.luteranos.com.br